sdfgsdg


Este é o segundo livro da trilogia Hannibal, caso vocês queiram ler a resenha do primeiro livro (Dragão Vermelho) é só clicarem aqui.

sinopse
Cinco mulheres são brutalmente assassinadas em diferentes localidades dos Estados Unidos. Para chegar até o sanguinário assassino, uma jovem treinada pelo FBI entrevista o Dr. Hannibal Lecter, um brilhante psiquiatra, cuja mente está perigosamente voltada para o crime. Ao seguir as pistas apontadas por Lecter, a jovem se vê envolvida numa teia mortífera e surpreendente. Uma novela policial arrepiante, escrita pelo célebre autor de Domingo Negro.Skoob

o que eu achei

Já disse e repito sou suspeita para falar de livros que retratam serial killers, eu adoro este assunto, e como a cabeça deles funcionam. Aliás, meu tcc da faculdade é sobre este tema, mas chega de enrolação e vamos voltar no foco principal. A sequência da história do Thomas Harris se passa na visão de outro policial, Clarice Starling, como dito acima pela sinopse, este fato causa um estranhamento inicial pela parte do leitor, pois se você começou acompanhando pela sequência, você espera que tudo continue a passar na visão do antigo personagem principal, mas neste isto muda, pois é uma mulher. Porém, não é algo nada tão impactante, que deixe a história menos interessante, ao menos, que você tenha amado de paixão o antigo personagem principal, mas para mim não mudou muita coisa, achei que o enredo continuo da mesma forma fascinante, que já era.

Outro ponto interessante é que  o serial killer, que Clarice Starling está ajudando na captura, é inspirado em um serial killer que realmente existiu, Ted Bundy, um dos casos mais famosos. Se você quiser saber um pouco mais sobre ele vale a pena entrar neste site, Aprendiz Verde, que só aborda esses assunto, é só clicar aqui. Aliás, o próprio Hannibal Lecter foi inspirado num caso verdadeiro também, mas isso eu deixo para a próxima resenha da continuação desta trilogia.

IMG_0136

Além destes fatos que deixam ainda mais qualquer leitor curioso, vale repetir que o livro é bem escrito, e sobre ser tema policial é fielmente real, nas questões de investigações, entrevistas com o serial killer, a captura, e analise sobre os aspectos do mesmo. Todos essas características do autor, eu já havia citado na primeira resenha, e é bom saber que a qualidade continua a mesma no segundo volume.

consideraçÑoes finais modelo 2Para finalizar, o que posso dizer é que vocês tem que ler este livro, principalmente se você for fã de temas policiais, de e serial killers, claro. E o melhor é que você não precisa ir exatamente na ordem para entender tudo, você pode facilmente começar pelo segundo se preferir. Eu sou detalhista por isso quis o box e começar pelo primeiro, e por assim a diante.

Como já havia dito os livros ganharam adaptações para o cinema, que por sinal foram super fieis, mudando poucas coisas, então deixo abaixo o trailer do filme  “O Silêncio dos Inocentes”.

 

 








Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *