Captura de Tela 2014-11-27 às 15.21.05

imagem.aspx

 

“Após o sucesso do seu primeiro livro, Ilana Casoy dedicou-se a uma pesquisa rigorosa para investigar os serial killers brasileiros, no que           viria a ser o primeiro livro do gênero dedicado aos assassinos em série do Brasil. Foram cinco anos de pesquisas, visitas a arquivos públicos, manicômios e penitenciárias, além de entrevistas cara a cara com personificações do mal em terras tupiniquins, para compor um inquietante roteiro com rigor investigativo de como, por quê e com que métodos os serial killers brasileiros atuam.”

    – Skoob

Comprei esse livro para meu TCC, mas já estava de olho nele a algum tempo, além dele ser sobre um assunto que eu amo a autora dele me cativou demais, principalmente por ela ser uma das únicas pessoas, e mulheres, especialistas nesse assunto aqui no Brasil. Não vejo a hora de fazer a resenha dele para vocês. coracao-1_xl

 

Captura de Tela 2014-11-27 às 15.20.58

capa11

“A L&PM relança As veias abertas da América Latina, de Eduardo Galeano, com nova capa, índice analítico e nova tradução de Sergio Faraco, um dos mais importantes contistas do Brasil. Sobre essa versão, escreveu Galeano: “Excelente trabalho de Sergio Faraco, melhora a não menos excelente tradução anterior, de Galeno de Freitas. E graças ao talento e à boa vontade destes dois amigos, meu texto original, escrito há quarenta anos, soa melhor em português do que em espanhol”. ” – Skoob

Faz muito tempo que eu quero ler esse livro. Procurei em todas as bibliotecas do Mackenzie e nada. Até que um amigo de alma muito caridosa me emprestou o exemplar dele. Não é um livro sobre ficção ou aventura ou fantasia, mas a forma como Galeano escreve transforma uma narrativa que seria pesada, em algo mais tranquilo de ler. Eu amo qualquer coisa que envolva a América Latina, acho que por aqui falta essa identificação com a nossa identidade latino-americana e o Galeano é simplesmente um dos melhores escritores vivos atualmente.








Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *